Publicações
Notícias
07 / Dez / 2020
Está praticamente vendida ao Mubadala, a Refinaria Landulpho Alves, da Petrobras.

Está praticamente vendida ao Mubadala, a Refinaria Landulpho Alves, da Petrobras.

A segunda maior refinaria do Brasil, Landulpho Alves, está praticamente vendida pela Petrobras ao fundo de investimentos Mubadala, dos Emirados Árabes Unidos. Embora a estatal tenha outros interessados e solicitado novas propostas vinculantes pela refinaria, o mercado dá o negócio como certo, segundo a avaliação da Ágora Investimentos.

Em um breve comentário para os clientes sobre o processo de venda da refinaria, os analistas Vicente Falanga e Ricardo França afirmam que “as vendas das refinarias da Petrobras seguem um regimento muito rígido, que inclui uma fase final obrigatória de nova licitação, antes de fechar o negócio”. Esse procedimento foi realizado pela estatal no dia 03 de dezembro, após concluir as negociações com os árabes.

Inaugurada em 1950, a refinaria Landulpho Alves foi a primeira construída no país e tem capacidade para processar 323 mil barris de petróleo por dia. Isso corresponde a 14% da produção diária do Brasil. Se concretizado, o negócio marcará o início efetivo da saída da Petrobras do setor de refino.

Autor/Veículo: Fecombustíveis.

Comente essa publicação

Fale Conosco