Publicações
Notícias
01 / Set / 2020
Preços do petróleo retrocedem.

Preços do petróleo retrocedem.

Nesta última sexta-feira (28), os preços do petróleo retrocederam após a passagem do furacão Laura. O fenômeno não causou grandes danos na Indústria Petrolífera dos Estados Unidos.
Após a chegada ao continente, a tempestade perdeu força, reduzindo o tempo previsto de paralisações. Os futuros contratos do petróleo Brent para outubro, que findaram na sexta-feira, fecharam em queda de 0,04 dólar, a 45,05 dólares por barril. Já o petróleo dos EUA (WTI) recuou 0,07 dólar, para 42,97 dólares o barril.
À proporção que produtores norte-americanos reduziam o bombeamento, antes do furação Laura, as cotações chegaram a bater máximas de cinco meses durante a semana, níveis próximos dos verificados em 2005 na passagem do furacão Katrina. "O mercado do petróleo foi caracterizado por firmes avanços no início da semana, com um prêmio considerável injetado no mercado antes do furacão Laura. Esse prêmio foi devolvido após a chegada do furacão, com a indicação de impactos limitados à produção 'offshore' e à atividade das refinarias", disse Jim Ritterbusch, presidente da Ritterbusch and Associates.

Comente essa publicação

Fale Conosco